sem número

O ensaio sem número, do Estúdio Luzia, registra espaços transitórios ocupados por pessoas em situação de rua na cidade de São Paulo.
Ao ocupar uma pequena parte de calçadas, praças e viadutos, personagens criam uma arquitetura própria, provisória, numa tentativa de pertencimento à cidade.

Uma não-casa, lugar onde não possível acumular memórias ou o próprio reflexo. sem número, busca criar um novo espaço ao que nos é invisível.

São Paulo, 2013

Trabalho apresentado na 4ª Mostra de Fotografia de São Paulo, Janeiro 2013
E na X Bienal de Arquitetura de São Paulo, Agosto 2013
Agradecimentos:
Esse trabalho foi feito com o apoio do Instituto Social Santa Lúcia - PSR Lapa.